qmn_logo
qmn_painel_escolaqmn_escolaqmn_alunoqmn_app

Quero Minha Nota!

Desde 2009, o Enem utiliza a TRI na elaboração e correção das provas. Com a metodologia, as questões ganham pesos distintos de acordo com seu grau de dificuldade e dois alunos que acertaram o mesmo número de questões podem ter notas completamente diferentes – e só saberiam disso no ano seguinte, quando o INEP divulga os resultados oficiais.
A Tuneduc criou o aplicativo Quero Minha Nota!, que estimou a nota com TRI de mais de 300 mil alunos, de mais de 20 mil escolas, poucos dias após a prova. Os alunos já encontram as estimativas de nota de Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Matemática no app para Android e iOS, que ocupa a primeira oposição entre os mais baixados em Educação no país.
No SiSUmetro, presente no app, os alunos podem planejar seu futuro, calculando as chances de ingresso em milhares de cursos de universidades do SiSU em todo o Brasil, a partir da nota estimada.
“Quanto mais estudantes baixarem o aplicativo, mais precisa será a nota calculada. A partir de um certo número, a projeção fica bastante próxima dos resultados oficiais, que só sairão no ano que vem”, explica Ricardo Madeira, professor da FEA/USP e sócio da Tuneduc, empresa de tecnologia educacional responsável pelo desenvolvimento do app. “Um dos momentos de maior angústia e ansiedade dos alunos acontece após prova, enquanto aguardam o MEC disponibilizar a nota. Foi daí que surgiu a ideia do app. Com o SISUmetro, o aluno sabe até a probabilidade de entrar nas universidades que está buscando”.
Escolas podem acessar os dados dos seus alunos cadastrados e ver, em primeira mão, a nota mínima, média e máxima de seus alunos no exame, além de checar uma lista com todos os registrados.
O aplicativo é fruto da parceria da Tuneduc com a Folha de S.Paulo e está disponível para download gratuito nas plataformas Android e iOS.
Vídeo GeoEscola: https://youtu.be/HABoSpt7TXU

Categoria Etiquetas: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,